Homem morre após cair de tirolesa em parque de Itamaracá

Um homem de 32 anos, identificado como Eduardo Rafael Carvalho Messias, morreu no Parque Lagoa Azul, localizado na Ilha de Itamaracá, no Litoral Norte de Pernambuco. De acordo com a Polícia Civil, ele caiu de uma tirolesa após o equipamento romper. A vítima caiu em cima de pedras e, segundo o Hospital da Restauração (HR), para onde foi levado, teve politraumatismo. O caso ocorreu no domingo (11).

Em nota, a polícia informou que instaurou um inquérito policial para esclarecer a morte. “A vítima estava no local com familiares e decidiu andar no brinquedo. Após iniciar a descida, o equipamento rompeu, ocasionando uma queda nas pedras”, disse a corporação. Segundo sites especializados em turismo, a tirolesa do Parque Lagoa Azul tem aproximadamente 10 metros de altura.

Antes de ser encaminhado ao HR, no bairro do Derby, área central do Recife, o homem foi socorrido a um hospital local. Eduardo deu entrada na Restauração por volta das 17h15 do domingo. Ele, no entanto, não resistiu e morreu por volta das 9h30 da segunda-feira (12), segundo a assessoria da unidade de saúde.

A Prefeitura de Itamaracá informou à reportagem que o parque não tinha autorização para funcionar desde janeiro deste ano. O inquérito policial foi instaurado. Uma equipe da Força-Tarefa da Capital foi ao local para realizar os procedimentos legais. 

O caso será encaminhado à Delegacia de Itamaracá, que ficará responsável pelas investigações da morte, sob a presidência do delegado Roberto Geraldo. O delegado informou que espera o caso chegar à sua responsabilidade para intimar os responsáveis.

Fonte – folha PE

Comentários do Facebook